O nosso cérebro é algo incrível, e principalmente quando se tratam de sonhos. Enquanto dormimos, podemos “viajar” para locais que nunca imaginamos ou “viver” acontecimentos que nem sempre estão ao nosso alcance.

O meu sonho de hoje foi deveras interessante e não me importava de voltar a ter o mesmo sonho, e vive-lo na vida real se isso fosse possível.

Vamos viajar um pouco no passado até aos anos 20 mais ou menos, se calhar um pouco antes. No meu sonho eu tinha o meu telemóvel de 2019 mas eu estava numa Era diferente, uma Era digamos, vintage. Nas ruas as pessoas tinham aquele estilo da época, muito Old School, os senhores de chapéu e terno, e as senhoras com as suas sombrinhas, chapéus floreados e saia até aos pés. Impressiono-me como era a moda nesses tempo e o meu sonho deixou-me levar ainda mais longe.

Num edificio ali perto, notava-se que as paredes e o chão estavam bastante degradados, a tinta das paredes ja caia, e o chão de madeira rangia bastante, em algumas partes as madeiras que formava o chão já tinham apodrecido e algumas nem existiam.

A cereja no topo do bolo foi quando dada a certa altura eu entro numa sala totalmente bem conservada onde havia uma enorme biblioteca, e onde as pessoas podiam sentar tomar o seu chá ou café, algo mesmo próprio dessa época, as pernas das mesas e cadeiras trabalhadas, os tampos com decorações desse tempo, quadros em todas as paredes com retratos e paisagens, jarras, cómodas, tudo numa única sala, e acreditem ou não, não era tudo a preto e branco.

Como era de esperar, e como eu adoro fotografia, saquei do meu Huawei P20 Pro, e comecei por fotografar a biblioteca e os livros que se espalhavam por uma mesa que lá se encontrava. Não havia muita luz uma vez que a mesma entrava somente pelas janelas daquele quarto, o ambiente era extraordinário e incrível. Entretanto o sonho acaba quando a uma altura eu acabo por sair da sala.

Conclusão: enquanto sonhamos, o nosso cérebro vai sempre buscar coisas que já vimos actualmente mas que nunca vivemos, cria imagens e como já foi dito, leva-nos para épocas onde nunca estivemos. Eu não sei bem o significado disso, espero que não seja nada exagerado, mas um sonho é um sonho. Engraçado é quando estamos a desfrutar de um acontecimento no dito sonho e depois não queremos acordar porque estamos bem ali. E mesmo assim quando acordamos não queremos acreditar que aquilo foi mesmo um truque da nossa mente.

Enfim, oxalá eu tenha mais sonhos, e me lembre deles para que os possa contar. Geralmente quando acordamos esquecemos sempre!

Qual o seu grau de satisfação deste artigo?

Average rating 5 / 5. Vote count: 3

No votes so far! Be the first to rate this post.


Blog De Um Tuga

Criador do blogue "blogdeumtuga.com" fala e escreve sobre as suas experiências pessoais e aborda alguns assuntos de interesse dependendo do seu ponto de vista e opinião pessoal. Fotógrafo amador e blogger português. WordPress site designer. Locutor / Broadcaster.

0 comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Translate »