Toda a gente já sabe que eu gosto de fazer radio, e para já só posso fazer online. Talvez porque não esteja ainda preparado ou não tenha vocação para fazer radio a serio em FM. Mas aceito isso na boa e não me afeta de todo.

Algumas semanas atrás escrevi um artigo que fala sobre O Mundo á Volta Das Web Radios em xat.com sitando alguns tópicos de um modo geral, mas não fui muito a fundo em outros temas que a mim e a outras pessoas não nos deixa muito confortáveis e não achamos que seja bom para uma radio deste género. Então vamos começar.

Rivalidades

“Na minha opinião, muita rivalidade que não devia existir, muita gente anda por ai não para ouvir música mas sim para criar confusão e conflitos”.
Esta resposta foi dada por um ouvinte que já tem bastantes anos de web radio. E na verdade isto existe mesmo. A situação mencionadas acima pode se dever ao facto de muitas pessoas procurarem mais a exclusividade do que propriamente a qualidade. Então acaba por haver rivalidades porque todos querem que um chat e uma web radio cheguem ao topo, mas ninguém se preocupa em fazer por isso, e esperam que as coisas venham do céu ate ao dia em que se dão conta de que não vale a pena.

As rivalidades podem existir simplesmente pelo facto de um ouvinte ou até mesmo um animador de radio visitar outras rádios. E na maioria das vezes as confusões e mal entendidos vem da parte dos administradores e moderadores daquele espaço.

Locução

Sabemos que rádios deste tipo não são profissionais de todo. Mas não custa nada ser mais participativo, ter mais criatividade, colocar em pratica ideias que podem tornar o ambiente mais divertido e agradável, e lá está, criar um ambiente diferente para não ser mais do mesmo. Embora estas rádios não passem de uma brincadeira, eu continuo a achar que o saber comunicar é importante.

Existem locais onde os locutores simplesmente passam musica durante 2h seguidas, só falam para dizer um “Olá”, dedicarem musicas, e no final se despedirem. Para isso então é preferível deixar o Auto DJ a funcionar. Tipo, se não falas durante toda a emissão, o que raio estas aqui a fazer aí?

Exclusividade

Esta parte eu adoro porque faz-me lembrar uma radio onde eu estive durante uns 3 ou 4 anos (Radio os Latinos) e onde os donos da mesma obrigavam os membros desta radio a permanecer na mesma, e não tendo permissão e liberdade para visitar outras salas de xat ou fazer radio noutros locais.

Por um lado eu entendo esta chamada “exclusividade” que no fundo acaba por não ser isso, mas se queremos levar um projecto avante, os donos também tem de incentivar os locutores, perceber o porque de eles quererem sair ou até simplesmente visitar outras salas e rádios.

A exclusividade é uma forma de afastar pessoas, porque algo que era suposto divertir, começa a ser uma manipulação para se ganhar “fama” de algo que não vai muito longe. E todas as web rádios que usavam esta tática, fecharam.

Participação

Numa das emissões que eu fazia numa web radio, reparei que ao começar não havia muita gente a ouvir. Comecei a uma determinada hora e não haviam sequer ouvintes na sala. Ainda pensei “deixa cá esperar um pouco porque como nesta radio as pessoas chegam mais tarde, possivelmente ainda é cedo e vão aparecendo aos poucos”.

As pessoas chegam mais tarde por vários motivos, mas a razão principal é porque também não existe uma equipa solida e animadores que tenham tempo e disponibilidade para começar mais cedo. Existem rádios que começam as emissões por volta das 12 horas da tarde e extendem-se até ás 2 horas da manha mesmo que o formato seja igual durante todo o dia.

Eu sou aquele tipo de pessoa que gosta de experimentar e implementar coisas novas que sei que podem levar uma web radio um pouco mais longe e torna-la melhor, mas para isso é necessário que os administradores ou donos deste tipo de rádios estejam aptos e abertos a estas novas ideias.

Por outro lado as pessoas que ouvem não são muito participativas porque estamos a falar de ouvintes numa faixa etária deferente e muitos deles só estão lá para ouvir musica, aquilo não é deles e não se preocupam muito em envolverem-se nestas coisas por varias razoes pessoais ou simplesmente porque nao teem interesse. Mas se for melhorada a forma como apresentamos o produto então isso vai ser seguramente um chamariz para novos ouvintes e estas melhorias vão fazer com que haja participação de todos. O que certamente vai dar uma grande virada no projecto e fazer com que tudo seja mais divertido. É preciso é que todos estejam focados no mesmo.

“Ah e tal mas as pessoas que aqui veem não ligam a estas coisas…”

Claro que não! Enquanto as rádios deste género não melhorarem qualquer coisa e implementarem coisas diferentes que chame novos ouvistes e até mesmo locutores/animadores de radio nada vai mudar, e vão haver sempre as mesmas pessoas fixas que já estão habituadas a um conceito que acaba por ser “mais do mesmo”. Como não existe nada de diferente, as coisas não saem do mesmo lugar.

Novas ideias que podem melhorar a radio e chamar mais ouvintes

  • Ter pessoas que tenham conhecimentos de informatica para que possam por si mesmas fazer a instalação de um simples programa de automação de radio e tenham gosto por esta área.
  • É importante haver pessoas que saibam comunicar em radio. É importante abordar temas, convidar alguém a participar em emissões e debater sobre assuntos específicos e que se tenha conhecimento sobre os mesmos. Tudo isto dentro de um tempo estipulado e organizado, afinal de contas todos estão ali para ouvir musica.
  • Pessoas que tenham dicção e se oiça o que dizem. Há emissões efectuadas onde a voz ou a musica não estão niveladas e para se ouvir um ou outro temos de andar sempre a aumentar ou diminuir o volume.
  • Se realmente querem ter uma sala de chat numa web radio, ponderar o facto de que existem outras plataformas de chat mais seguras, talvez com pouca bonecada e algumas funções, mas certamente mais divertidas.
  • Com apenas 10 euros ou libras por mês uma web radio pode ter o seu próprio web site livre. E quando falo em livre não estou a falar de sites que ajudam a criar outros sites, como por exemplo Wix, Webbly, etc. Estou a falar em comprar um domínio e alojamento com o nome oficial da radio onde a pessoa pode fazer tudo e mais algumas coisa sem restrições. E não, NÃO é nada complicado.
  • Fazer passatempos com os ouvintes. As pessoas enquanto ouvem musica gostam de se divertir, participar em brincadeiras, serem “desafiadas” e gostam de ser postas á prova no sentido de diversão e conhecimento geral.
  • Efectuar nas redes sociais e também no website (caso haja) um Top com as melhores musicas mais tocadas, uma especie de votação semanal das melhores musicas, bandas, estilo musical, etc. Há centenas de coisas que podem ser feitas nesta área.

E estas são algumas ideias e opiniões que eu tenho sobre web rádios deste estilo em xats.
Estas sugestões não custam assim tanto dinheiro, não são dispendiosas, e de certeza que vão levar uma web radio a destacar-se de muitas que andam por aí. Terá de haver um pouco de persistência e dedicação, mas isso é como tudo na vida, uma vez começando, o difícil vai ser parar.

Qual o seu grau de satisfação deste artigo?

Average rating 5 / 5. Vote count: 4

No votes so far! Be the first to rate this post.


Blog De Um Tuga

Criador do blogue "blogdeumtuga.com" fala e escreve sobre as suas experiências pessoais e aborda alguns assuntos de interesse dependendo do seu ponto de vista e opinião pessoal. Fotógrafo amador e blogger português. WordPress site designer. Locutor / Broadcaster.

3 comentários

Paulo de Melo Neto · 27 de Maio, 2020 às 16:58

Pois é. Webradio não é FM. Dizer que webrádio é inferior a FM é digamos falta de consideração. Eu tenho webrádio e juro que é algo muito moderno e como sou de rádio desde 15 anos (hoje 55) me tornei apaixonado pela plataforma de comunicação. Primeiramente porque eu pela experiência me aprofundei na tecnologia para formar o que chamo de ATUAL. Foram 8 anos e diversas experiências para que chegar na radiomotel.com . O fato de por enquanto só tocar musica e as vez entrar ao vivo é o começo. Tenho vários planos e não se pode colocar tudo ao mesmo tempo. A FM faliu, visito regularmente e eles estao pagando pela transformação que fizeram, os ouvintes fugiram das fms pela chatice do jornalismo e isso se extendeu por todas, enfim ninguém quer OUVIR rádio FM. Bom, a quantidade de webradios a custos baixos fez a muitos brincarem de fazer radio contudo a TÉCNICA dividiu amadores e profissionais, já é comum ver lives e webradios que falham ou são uma tremenda porcaria. No meu caso o modernismo pode sim ter automação e ao vivo, sou perito em mixagens e plástica e posso dizer que não existe diferença no meu estudio e de uma FM. Quanto a monetarização muita gente não entendeu como será na webradio e copia a trágica fórmula das FMs com blocos comerciais e plástica. Só quem tem talento e que é ninja vai sobreviver nas webradios. Não julgue o que muitas estão fazendo porque certas fórmulas atuais apenas é o começo da estratégia de cada um. Guarde este nome RADIO MOTEL | RADIOMOTEL.COM . Seu artigo encontrei com a # que colocou e por favor, antes de falar sobre webradio pesquise e converse com algumas para se atualizar, algumas tem pessoas que apenas ogam dinheiro no lixo e brincam com a categoria e publico. Cansei de fazer e trabalhar para rádios FMs e resolvi mudar, não inventei a roda e apenas quero fazer do meu jeito. Grande abraço!

    Carlos Castilho · 27 de Maio, 2020 às 19:18

    Adorei o seu comentário. Foi excelente, obrigado por participar! Espero que me acompanhe mais vezes! 🙂

    Blog De Um tuga · 10 de Agosto, 2020 às 23:01

    Mas ninguém falou que uma web radio era inferior a uma FM. Alias, neste artigo até se fala como melhorar a mesma! 😀

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Translate »